O Dia Internacional do Orgulho LGBTI, celebrado em junho, ganha um evento mais do que especial. Na sexta, 29 de junho, a partir das 20h30, na Casa Natura Musical recebe a festa Desculpa o Batekoo: Siga Bem, Lia Clark!, que celebra a diversidade, buscando valorizar e compreender a música brasileira dentro de suas mais diversas expressões: MPB, funk, batuque, axé, bahia bass e outros ritmos.

Duas das mais concorridas festas de São Paulo, Desculpa Qualquer Coisa e Batekoo, promovem uma festa junina muito divertida, com direito a quadrilha e roupas típicas e destaque para os shows da bateria do bloco Siga Bem Caminhoneira e da cantora Lia Clark, drag queen santista, respeitada representante da cena LGBTQ+, conhecida por sua mistura de pop e funk e considerada uma das performers mais influentes do país.

Os ingressos custam de R$ 20 a R$ 40, mas leitores que usarem a Chave VilaMundo ganham 20% de desconto na compra - fica R$ 16 e R$ 32, a inteira. O cupom é válido para compras online e na bilheteria utilizando o código: CATRACA20. Acesse o link.

A Desculpa Qualquer Coisa é uma festa mensal inteiramente produzida e realizada por e para mulheres, com mais de 20 edições realizadas, a maioria na rua, de maneira gratuita. A ideia surgiu para que as mulheres possam se expressar e se divertir em espaços públicos, ocupando as ruas do centro de São Paulo. DJs tocam diversos gêneros musicais, priorizando a brasilidade das mais diversas regiões do país de forma atemporal: de Caetano e Gal Costa a Karol Conká e Pabllo Vittar.

O bloco Siga Bem Caminhoneira surgiu no carnaval de 2017, motivado pela falta de visibilidade lésbica e bissexual dentro do Carnaval de São Paulo. Em seu segundo ano, o bloco atraiu mais de 10 mil pessoas para seguir sua bateria com cerca de 80 ritmistas. Com ensaios semanais, o bloco consagrou-se como um coletivo de visibilidade lésbica e bissexual, espaço para as mulheres se sentirem livres, respeitadas, empoderadas e seguras.

Batekoo é uma festa com inúmeros ritmos black e suas vertentes, como hip-hop, rap, funk carioca, R&B, trap, twerk, ragga, dancehall, bahia bass, kuduro. É um movimento de origem baiana que se expressa através da dança, da música, do corpo, da pele preta, do suor, da liberdade corporal e sexual, da cultura negra, periférica e urbana, do empoderamento coletivo e da representatividade preta dentro de qualquer espaço. A proposta é que seja uma festa democrática, livre de preconceitos e que una os ritmos negros pra todo mundo se divertir muito.

Bapho, néam? Então se ligue nessa:

Bar Season One exibe nova temporada de Rupaul's Drag Race ao vivo

Desculpa o Batekoo: Siga Bem, Lia Clark!

29 Jun
a
30 Jun

Diariamente de 29 (Sex) a 30/06 (Sáb) das 20:30 às 02:30 

Casa Natura Musical
Rua Artur de Azevedo, 2134 Pinheiros São Paulo - SP
Estação Faria Lima (Metrô - Linha 4 Amarela)
R$ 16 a R$ 32 com o código (veja no texto)

Sobre nós

O VilaMundo é uma iniciativa do Instituto Acqua, em parceria com o Catraca Livre e a Cuponeria.